7 Abril, 2022

Finalmente, o Supremo Tribunal Administrativo acaba de dar, no dia 7 de abril, provimento ao nosso recurso, tendo decretado que à presente data esta ação é mais útil do que nunca, e ordenando a baixa dos autos ao Tribunal Central Administrativo do Sul.